O SAC da Beauty Box

Olás!

Não é a primeira vcz que eu testo os SACs de empresas, na esperança de que eles nos tratem com um pouco de respeito. Já falei do SAC da Chanel, da Panvel, da falecida Sacks, tudo aqui. Agora é a vez do SAC da Beauty Box.

Fiz um pedido dia 11/05, aguardando ansiosamente pelos lançamentos da própria marca, principalmente os pincéis. Dia 14/05 eles confirmaram o pagamento e me mandaram o e-mail abaixo:
Ou seja, teria 7 dias úteis para chegar aqui em Bagé, mas o que aconteceu foi que chegou dia 25/05. Fazendo as contas, dá mais que 7 dias úteis, e se contar os sábados, dá muito mais!

Bom, aí no próprio dia eu fui testar o sabonete líquido deles, o Bubble You Quintal de Mandarinas. Estava eu já no banho e o pump do negócio não funcionava. CLARO que já havia tirado a trava antes de entrar no banho. Girei o pump algumas vezes e nada dele abaixar; resolvi, então, abrir a embalagem e usar sem o pump.

Fiquei pensando nas duas coisas que deram errado e resolvi acionar o SAC, principalmente porque é uma marca nova e, quem sabe, esteja mais aberta a receber críticas e melhorar. Mandei a reclamação abaixo:
 Mandei ontem e recebi a resposta hoje de manhã:

A minha primeira reação à resposta foi pensar "eles acham que eu sou retardada mental". A segunda foi pensar "que tipo de empresa usa uma linguagem "friendly" pra depois tratar a gente como se não soubesse ler?" É ou não é de ficar indignada com a resposta sobre o prazo de entrega? E as sugestões da moça, de tirar a trava? Ela podia, AO MENOS, ter perguntado se eu tinha feito isso, e não assumido que eu não fiz. Pra mim isso se chama arrogância.

Bom, aí fui tentar uma segunda interação, meio descrente visto a resposta que obtive:
E a resposta chegou logo em seguida:
Bom, ao menos respondeu e não ignorou, né?

Enfim, o que eu posso dizer é o seguinte: uma empresa que quer ter esse contato do tipo "amiga da cliente" (a linguagem e os nomezinhos engraçados dos produtos me fazem interpretar desta forma a atitude da empresa), precisa antes de tudo respeitar a reclamação e as sugestões de seus clientes, pois não é isso que amigas fazem? E pra isso o SAC precisa melhorar muito! Não é só dizer "ficamos felizes que vc comprou os produtos"; é admitir erros, assumir uma postura humilde e ouvir de fato a reclamação. Sinceramente, não fiquei com boa impressão da marca não, pois o SAC diz muito sobre uma loja ou empresa. Até ter a resposta sobre a questão do prazo de entrega, eu vou ter 20 pés atrás antes de comprar de novo. Afinal de contas, como poderei confiar que o produto vai chegar no prazo que me informaram?

Beijos!
P.S.: e a cereja do bolo foi eu ter recebido uma resposta do SAC sobre uma pergunta que a "Patricia" fez. Respondi o e-mail dizendo que achava que aquele e-mail não era pra mim. Quem disse que houve resposta?

Comentários

Toque Essencial disse…
OI Dáfni!!
Muito bons estes posts sobre o serviço de atendimento ao cliente.
Concordo com vc que a resposta foi beeemm meia boca.
E os produtos??? Que tal?
Valeu a pena a compra?
Beijo
Andrea
Dáfni disse…
@Toque Essencial

Eu não usei muito ainda pra dar uma opinião geral; o pincel de blush me pareceu um pouco mole demais, o espelho é legal (tem apoio para mesa) e o sabonete líquido eu gostei do cheiro, mas certamente não é um produto altamente inovador - o cheiro deste me lembrou muito a linha da Body Shop de Grapefruit. Enfim, ainda estou em fase de testes, mas de forma geral achei bem NORMAL.

Beijos
Karen Lommez disse…
Dáfni, infelizmente, não me surpreendo pela história q vc contou. Me surpreenderia se algum SAC tratasse a mim ou a um amigo com dignidade e respeito. Muito triste... No mais, bj pra vc e suas filhotas, humana e felina!
Maria disse…
Realmente, Dáfni, esse negócio de falar com diminutivos já é uma demonstração do pensamento de que somos todas umas bobinhas, fazendo as comprinhas com nosso dinheirinho de brinquedo!
Obrigada pela informação, eu também já fico muito com o pé atrás com esse tipo de loja.
Um abraço!
Dáfni disse…
@Karen Lommez

Pois é, triste mas verdade!

E a Chica, como está?

Beijos e saudades!
Dáfni disse…
@Maria

É o tipo de atitude que me irrita! Afinal de contas, quem eles acham que compram os produtos: crianças de 10 anos ou adultos com emprego? Falar no diminutivo não significa que está sendo cordial, mas sim tratando a gente como vc disse, bobinhas.

Beijos
Camila Faria disse…
Essas empresas ainda tem muito que aprender, especialmente no que diz respeito ao tratamento cordial aos consumidores!

Postagens mais visitadas